Unidades de validação promovem o avanço da pesquisa de café canéfora

No quarto bloco do Bem da Terra desta terça-feira, 19, a jornalista Renata Maron entrevistou o pesquisador, Renato Amábile. Eles conversaram sobre as unidades de validação, que promovem o avanço da pesquisa e da transferência de tecnologia com café canéfora no cerrado. A pesquisa é conduzida pela Embrapa Cerrados e pela Embrapa Café do Distrito Federal, que desde 2009 desenvolvem trabalhos que têm mostrado a potencialidade do café canéfora no sistema irrigado na região.

Acompanhe!

Compartilhar

Deixe seu comentário