Soja chinesa na Argentina preencherá lacuna de importação

O plantio de uma variedade geneticamente modificada de soja chinesa na Argentina poderá preencher uma lacuna de importação existente no país asiático. Isso porque a China não permite que a soja transgênica seja plantada no país, mas o desenvolvimento de sementes transgênicas e a importação de certos tipos de transgênicos não são proibidos. 

Compartilhar

Deixe seu comentário