Aftosa: Acre, Paraná e Rondônia vão parar de vacinar o rebanho

Além de Santa Catarina, que tem o status de área livre de febre aftosa, sem vacinação, em 2019, outros três estados brasileiros também vão parar de vacinar os bovinos e bubalinos. Rondônia, Acre e Paraná serão os próximos. Dono do segundo maior rebanho bovino do mundo, o Brasil exporta a carne para mais de 100 países, mas quando conquistar o Status Internacional de Área Livre de Aftosa sem vacinação, as vendas externas vão alavancar ainda mais. Confira mais detalhes na reportagem.

Compartilhar

Deixe seu comentário